domingo, 16 de novembro de 2008

De fora para dentro!

Como é bom estar sozinho e ver o mundo de fora para dentro,
sem se ter de espreitar por cima do ombro de um OUTRO,
para ver se está no caminho certo...
sem se ter de viver a vida alheia que não nos pertence,
sem se ter de olhar através de olhos que não são nossos,
sem se ter de calar palavras que os ouvidos não ouvem,
sem se ter de estimular ideias que não se sentem,
sem se ter de criar sonhos que afastem os nossos,
sem se ter de agradar a quem não se agrada,
sem se ter de SER E TER para se ser ALGUÉM,
sem se ter de iludir para seguir em frente...
Cada vida se saboreia de forma diferente,
e é pela "DIFERENÇA" que temos de viver,
não pela "IGUALDADE" de um OUTRO.
Só assim podemos ser felizes
e quem sabe...fazer os outros FELIZES!

Autoria: Paula Chorão

2 comentários:

Patricia disse...

Bom dia Paula:)
Tao bonito este poema****

Conceicao disse...

Como é bom um pouco de paz de vez em quando ...
Está lindo este poema.
Bjs.
São